Arquivo da tag: Rolling Stone

E a Lady Gaga, hein?

Sério, tô muito impressionado com a Lady Gaga. Quando ela saiu na capa da Rolling Stone e a revista colocou na chamada “A nova Madonna”, eu – e mais um monte de gente – achou um exagero bizarro e sem tamanho. Mas olha… estou reconsiderando.

Guardadas as devidas proporções, sente só:
. Madonna planejou e controlou a maioria dos “escândalos & polêmicas” que protagonizou. Era um marketing. Britney Spears, por exemplo, se meteu em encrencas e ficou louca, o que é bem diferente. Lady Gaga, por sua vez, me parece ter esse mesmo senso de marketing, mas adaptado pro século XXI. Os figurinos bizarros, por exemplo: ela consegue superar Madonna nesse sentido de se reinventar trazendo coisas novas como… uma roupa feita de Cacos dos Muppets! Causa, óbvio, e ela sabe disso. Madonna não ousa mais – no último clipe, está de Balmain. Lady Gaga causa também ela declarar que cheirava pó. Drogas ainda são tabu. Falar que fez sexo com mulher é coisa boba depois de Madonna. Que beijou, então… Ah, Katy Perry, você é legalzinha mas ainda precisa comer uns arrozzz, uns feijããão…
. O fator hermafrodita: a única coisa que Madonna ainda não sugeriu em matéria de sexo durante a sua carreira é que ela… fosse hermafrodita. HAHA Lady Gaga é cercada por esses rumores. Adoraria que ela fosse mesmo. Seria a primeira pop star hermafrodita, quer coisa mais século XXI?!
. A música: é hedonista e megapop, assim como Madonna, e ao mesmo tempo parece mais interessante e espertinha do que os outros pops descartáveis. Impressão? Bom, o fato é que, assim como Madonna, Lady Gaga compõe. Isso já faz uma grande diferença.
. Reconstrução estética: Madonna, hoje, é exemplo de beleza. Quando surgiu, não era bem assim. Não que ela fosse feia, mas sua beleza não era clássica – estava mais pra italianona doidona. Mas ela provou que era bonita e sexy daquele jeito sim, inclusive com todos aqueles badulaques, e crucifixos, e lingerie aparecendo, e cabelo descolorido meio errado que virou supercerto. Lady Gaga tem a mesma capacidade: não é bonita mas tem presença de palco impressionante, segurança de pop star, sabe chamar a atenção… e acaba ficando bonita, estranha mas bonita.
. Finalmente, dança: nesse quesito, Lady Gaga fica bem pra trás. Ela dança bem menos que Britney, Madonna, Beyoncé etc. Mas isso prejudica seu show? Parece que não. Nos vídeos do V Festival, que aconteceu nesse fim-de-semana, o que se vê são pessoas gritando e adorando.

E é por tudo isso que eu acho que, no fundo, a Britney é o novo Michael Jackson. E que talvez, sim, Lady Gaga seja a nova Madonna.


Lady Gaga canta Pokerface no V Festival

E Amy que é bom…

Lista dos 100 melhores cantores da Rolling Stone.

Arethão, linda, em primeiro. Aí, sei lá, tem umas coisas que eu acho esquisitas. Tem Christina Aguilera em 58º, antes de Björk (60º). Tem Lou Reed que, sei lá… cantor? Compositor, músico, mas… cantor?

E aí, tem até Mariah Carey mas… Amy Winehouse que é bom, não tem não! Achei instigante.