Arquivo da tag: pop

E a Lady Gaga, hein?

Sério, tô muito impressionado com a Lady Gaga. Quando ela saiu na capa da Rolling Stone e a revista colocou na chamada “A nova Madonna”, eu – e mais um monte de gente – achou um exagero bizarro e sem tamanho. Mas olha… estou reconsiderando.

Guardadas as devidas proporções, sente só:
. Madonna planejou e controlou a maioria dos “escândalos & polêmicas” que protagonizou. Era um marketing. Britney Spears, por exemplo, se meteu em encrencas e ficou louca, o que é bem diferente. Lady Gaga, por sua vez, me parece ter esse mesmo senso de marketing, mas adaptado pro século XXI. Os figurinos bizarros, por exemplo: ela consegue superar Madonna nesse sentido de se reinventar trazendo coisas novas como… uma roupa feita de Cacos dos Muppets! Causa, óbvio, e ela sabe disso. Madonna não ousa mais – no último clipe, está de Balmain. Lady Gaga causa também ela declarar que cheirava pó. Drogas ainda são tabu. Falar que fez sexo com mulher é coisa boba depois de Madonna. Que beijou, então… Ah, Katy Perry, você é legalzinha mas ainda precisa comer uns arrozzz, uns feijããão…
. O fator hermafrodita: a única coisa que Madonna ainda não sugeriu em matéria de sexo durante a sua carreira é que ela… fosse hermafrodita. HAHA Lady Gaga é cercada por esses rumores. Adoraria que ela fosse mesmo. Seria a primeira pop star hermafrodita, quer coisa mais século XXI?!
. A música: é hedonista e megapop, assim como Madonna, e ao mesmo tempo parece mais interessante e espertinha do que os outros pops descartáveis. Impressão? Bom, o fato é que, assim como Madonna, Lady Gaga compõe. Isso já faz uma grande diferença.
. Reconstrução estética: Madonna, hoje, é exemplo de beleza. Quando surgiu, não era bem assim. Não que ela fosse feia, mas sua beleza não era clássica – estava mais pra italianona doidona. Mas ela provou que era bonita e sexy daquele jeito sim, inclusive com todos aqueles badulaques, e crucifixos, e lingerie aparecendo, e cabelo descolorido meio errado que virou supercerto. Lady Gaga tem a mesma capacidade: não é bonita mas tem presença de palco impressionante, segurança de pop star, sabe chamar a atenção… e acaba ficando bonita, estranha mas bonita.
. Finalmente, dança: nesse quesito, Lady Gaga fica bem pra trás. Ela dança bem menos que Britney, Madonna, Beyoncé etc. Mas isso prejudica seu show? Parece que não. Nos vídeos do V Festival, que aconteceu nesse fim-de-semana, o que se vê são pessoas gritando e adorando.

E é por tudo isso que eu acho que, no fundo, a Britney é o novo Michael Jackson. E que talvez, sim, Lady Gaga seja a nova Madonna.


Lady Gaga canta Pokerface no V Festival

Eu vou, nem que seja sozinho

Afinal, tudo parece se encaixar.
Depois da vinda da Maki Nomiya, outra musa minha diretamente da minha adolescência vai FAZER UM SHOW NESSA SEXTA NO BRASIL.
A Pat C é brasileira mas mora em Berlim.
O CD da Pat C eu comprei por causa da capa, juro. Lááá nos 2000, ou 2000 e pouquíssimo, não lembro… ou antes. Amei, amei pra sempre. Jules e Jim eu sei cantar trechos de cabeça até hoje.
Hoje estava num evento na POP e ela apareceu, do nada, distribuindo flyer pro show dela que será na sexta, Sesc Pompéia, chopperia, às 21h.
Fiquei passado, abracei e tudo.
Ela disse que não vai tocar nenhuma música antiga – chuif – mas mesmo assim eu vou, acho que é um sinal, eu TENHO que ir.

Conheça mais Pat C no MySpace e me responda: você vai? Me faz companhia?

Lady Madonna

O comunismo não nos livra de certas coisas.
Esse é um HIT RUSSO DOS ANOS 80. Madonna, com Alexandr Serov.
Ele toca sax. Uma coisa tipo George Israel. E o cabelinho? Humm, tá gato, filho.
Eu tentei acrescentar esse post de um pouco de CULTURA e procurei informações sobre o Alexandr no Google. Não rolou. Se você lê russo, pode tentar – eu, no caso, faltei nas minhas aulas de russo do colégio.

Mmmmbop

Eu nunca pensei que chegaria a dizer isso, mas…

TaylorHanson
Taylor Hanson. Você já foi mais másculo um dia.

Binóculos

Can’t let you know
what’s been happening.
There’s a ghost in our home,
just watching you without me.
I’m not here.

Watching you without me, Kate Bush

Tudo menos a garota

all those days
when I went through a phase
of missing the love that you bore
in retrospect
there’s something I can’t neglect,
I was missing a love but not yours

I must confess, EBTG

E mais um pouco de cultura…

inútil.

Quando penso em ombreira, eu lembro da…

anri
Anri, do Jaspion