Arquivo da tag: Erika Palomino

Nós já temos uma nova banda preferida

Glass and Glue.
Eu acho Marina Franco linda. Assim, de cair o queixo mesmo. Estilosérrima. Do tipo “quer ser minha amiga pra sempre?”.

Ela se juntou com Mayana Moura e com dois rapazes para formar a banda Glass and Glue, que já saiu na Erika e tudo e tal e vai fazer show amanhã, sexta-feira 13, no Rio. Acho que a data vai dar super sorte para eles (sério!).

Visita o MySpace deles, as músicas cheiram a… show indie que a gente assistia em 2001! Delícia! Revival de 2001, já! Onde eu deixei minha camiseta do Weezer?! Bia, cadê o MP3 de Deceptacon?! Cadê aquela versão do Placebo de Bigmouth strikes again?!
O Gutierrez vai adorar, principalmente porque Marina é gata.
E quando eles vêm fazer show em São Paulo, heim? Heim?

BTW: Marina é estilosérrima & ex-modelo & stylist.

Coisas boas do meu aniversário

O saldo final foi meio merda, mas:
Regina cantou parabéns para mim no telefone. Juro. Cantou a música inteirinha.
O pop-up do site da Erika me desejou feliz aniversário! hahaha
Jana e eu seqüestramos um bebê cigano na praia e vendemos para um casal escandinavo por R$ 200 mil.
Um monte de gente apareceu no quiosque!
O Paulo Martinez também me deu parabéns!

Mas grandes e lindos amigos estão longe.
😦

Arte + moda

A matéria que o André do Val fez no site da Erika sobre arte e moda nesse verão 2009 nas passarelas internacionais é ótima – a galeria está incrível! Vai lá:
Pop, mega-instalações e artistas contemporâneos norteiam
as criações de verão 2009 do Planeta Fashion

A globalização pode afetar a moda?

Bom, se ela afeta até Harajuku

Aqui no Brasil, antes os estilistas do under tinham espaço em algumas publicações alternativas e na Noite Ilustrada da Erika Palomino. E hoje?
– Descobriu-se que o under é tão under e que se a gente não tem nem um mainstream de peso, o under se afoga e não consegue sobreviver? Às vezes eu penso nisso. Uma coisa é ser indie nos EUA, outra é ser indie no Brasil – o povo da música já está escaldado nisso faz tempo.
– Mas não é o under que refresca? Se o under não existir, de onde vem o novo? Se o under se rende ao “isso vende mais que aquilo”, ele não é mais under, certo?
– E os blogs? Volta aquela história que eu já comentei há cerca de duas páginas: os blogs querem ser mainstream. Falam de Dior, Gucci, Prada, Marc Jacobs. Nada contra. Mas o interessante não seria correr atrás do que a imprensa em geral não fala?

Pense nisso. Eu tô pensando. E a Casa de Criadores vem aí: espaço de experimentação ou “correndo atrás pois quero ser grande”? A CC começa no dia 08.12.

Obs.: Sou mais 284 do que Zara. E não somente por causa da roupa em si… E se a H&M chegar? E a Topshop – que deve chegar cara, mas de qualquer forma tem o mesmo conceito de fast fashion? Muitas “questãs”…

Enquanto você acha que Womanizer é boa…

Justin Timberlake, o ex, mostra o que é bom. Parece que a nova já vazou, e o site da Erika já colocou no ar. Gostei – MUITO! Tava fazendo falta umas músicas rebolativas do Justin – as com a Madonna não contaram, não são tão gostosinhas na minha opinião.

Tipo o Flashdance dos garotos

Toda menina queria ser a Jennifer Beals na década de 80. E os meninos queriam fazer parte de gangues! The Warriors, 1979, é um filme muito legal que conta a história dos Guerreiros, uma gangue de Nova York que é acusada injustamente de ter matado um cara que pretendia juntar todas as gangues da cidade para dominá-la. Aí, para voltar para casa (eles moram em Coney Island!), eles dão de cara com várias gangues rivais que querem o couro deles – os mais estilosos na minha opinião, depois dos próprios guerreiros que vestem uns looks meio étnicos de colete de couro, são os Baseball Furies, de uniforme de baseball e cara pintada.


Figurino do Snow, dos Guerreiros


Pintura no rosto dos Baseball Furies.

O filme é tosco de um jeito bem bacana. Aqui tem um site completinho, com várias coisas. INCLUSIVE uma réplica do colete dos guerreiros, por US$ 125. Quem não for muito rico pode me comprar a blusa do Baseball Furries por US$ 39,99. Ou será que é libras? Sei lá. Se fode e me paga.

E tudo se explica: Bobbie Mannix, figurinista de The Warriors, também fez… Xanadu.
Isso aquece o meu coração. Quem se interessou: recomendo procurar a versão dublada, é mais legal ainda.

(o Flesh Beck Crew já se inspirou em Warriors para fazer uma coleção: veja as fotos no site da Erika)

Alexandre, o figurinista

Tô empolgado para assistir Encarnação do demônio. Além de ser o último filme da trilogia do Zé do Caixão (sou megafã, já entrevistei o José Mojica Marins faz um tempão e ele me falou não só de Encarnação do demônio como de Horror na passarela – será que ele ainda pretende dar continuidade para esse?!), tem partes do figurino by Herchcovitch. Deve ser incrí.

Enquanto isso, duas entrevistinhas massa com Alexandre em si: a da Alê Farah, em vídeo, no FilmeFashion, e a de Marcelle, na Erika. Ambas imperdíveis!

Vai começar!

Fashion Rio começa amanhã!
Enquanto isso, matéria do ObaOba! comigo, André do Val e Sérgio Amaral. Gente, não sabia que eles iam responder também e o mais engraçado é que a gente citou o champagne!

(OBS.: NESSA TEMPORADA O CHAMPAGNE ROSÉ CONTINUA! VIVA!)

Links 3

As meninas da Oficina de Estilo – dá licença eu puxar o saco de leitora? Tenho o direito, o blog é meu e eu faço o que quiser, pronto.
Como eu ia dizendo: as meninas da Oficina de Estilo falam tudo tudo da coleção da Giselle Nasser, que eu também adorei. Como elas adoraram quando descobriram que eu sou meio hippie (é, gente, tem coisas que só a PUC e a proximidade com a Vila Madalena fazem com você), linko essa coleção very hippie mística pagã com direito a clipe, vídeo e tudo o mais – E AINDA CONTO que a Milene ficou morrendo de medo quando o desfile começou.
“Ai, Jorge, que medo dessas coisas, pega na minha mão, vai!”
Juro. Mas confesso que eu também não estava muito tranquilo.

***

Tô com raiva! A Gloria NUNCA deixou a gente publicar UM DESENHO SEQUER DELA. E o que eu vejo no site da Erika? UMA FOTO DO CADERNINHO DELA, CHEIO DE DESENHOS, EM CLOSE!
ARGH!
Obs.: a matéria é da Jennifer e é ótima, fala dos bloquinhos dos editores.

***

Sinceramente? Caguei & andei para os problemas com a Justiça do Lorenzo Merlino. O povo ficou todo suado pela sede de notícia sobre o assunto. Gente, você compra Lorenzo Merlino? Isso vai mudar sua vida? E quem me lê, compra Lorenzo Merlino? Decididamente não me interessou. Portanto: NADA DE LINKS PARA AS MATÉRIAS SOBRE O ASSUNTO! eeeee

***

Ói que foto ótima??? Gianne com Costanza… no banheiro.

***

Eu tava super em dúvida se ia sair hoje ou não.
Aí me avisaram que eu vou por uma notícia do SPFW.
Então tá, né? HAHAHA

***

Para quem nunca leu ou para quem se esqueceu (tipo eu tinha me esquecido): o top 10 da Vogue é supergostoso de ler e faz um resumão do que aconteceu em cada dia de SPFW. Passa lá.

***

Gente, tá difícil de link, acho que acordei de mau humor e nada tá me interessando.
(mas não se preocupem, meu humor melhora em cinco minutos)

Links

Minhas críticas: V.Rom e Jefferson Kulig.

***

Paloblog de hoje está super contundente, falando dos furtos na Bienal – um absurdo. Vale ler, deve ser o comentário de hoje nos corredores do SPFW.

***

As meninas da Oficina de Estilo falam das calças, que voltam a ser importantes. Adoro o jeito que elas escrevem.
Aliás, eu finalmente conheci as duas tipo perto do MAM, depois do desfile do Jefferson Kulig, e a Fê, superfofa, dizendo “porque eu leio o seu blog e patati-patatá” – eu ainda fico meio constrangido quando me dizem que lêem meu blog.
Pô, bicho, até minha irmã lê meu blog! Como é que eu vou falar das minhas aventuras sexuais??

Quer dizer, se elas existissem??

***

No Dus*****Infernus, o Vitor pergunta para o Johnny Luxo sobre a próxima gíria da temporada e Johnny responde que é “Tudi Confusi”. E é mesmo, anteontem eu usei com a Vivi da Folha na fila do MAM, para entrar em Patrícia Viera.
“Ai, menina, que fila é essa… tudi confusi”.
Ou foi pra falar de uma coleção? Hum, melhor mudar de assunto.

***

Maria Prata fala que o povo preferiu Carol Trentini na Zoomp (e preferiu mesmo) mas a gente entrevistou a Coco e a Vic disse que ela é MAIOR BRÓDER, MEU.
Se você duvida que a Vic fala “bróder”, você nunca viu ela dizendo “animal” ou “irado, meu”.

***

Daiane e Vivi Orth fazendo careta? Tem coisas que só o Fervo da Moda faz por você.

***

Look do 2nd Floor em primeira mão no blog da Thais Losso!

***

E é isso, né, gente, cansei de ver blog.