Arquivo da tag: Biblioteca Mário de Andrade

É hora de conferir a listinha

Voltei das férias!
Vamos ver se o Jorge cumpriu tudo o que se prometeu? A saber:

. Assistir ao resto da série de Antoine Doinel, de Truffaut. A saber: Beijos proibidos, Domicílio conjugal e O amor em fuga. Já assisti Os incompreendidos e Antoine e Colette.

SIM! E foi ótimo!

. Ver Tarsila na Pinacoteca.

Não. Qüén.

. Visitar o Museu da Língua Portuguesa: pois é, momento vergonha, eu ainda não fui.

Sim! Não gostei muito da expo do Gilberto Freyre – sei lá, não é muito a minha. O resto eu adorei! Vale a visita, para quem ainda não foi. Não fui para a Tarsila em seguida porque estava com a minha mãe e ela ficou cansadinha.

. Ir na Biblioteca Mário de Andrade, sempre tenho vontade de entrar e não acho oportunidade.

Tá fechada para reforma.

. Assistir a muitos filmes nos canais a cabo.

Siiim! Inclusive assisti Kids return, do Takeshi Kitano, que eu ainda não tinha assistido – Takeshi é um dos meus diretores favoritos. Kids return é bem bom, mas tem uma temática bem machão: boxe e gangsters! Portanto, não é dos meus preferidos do Kitano (em alguns momentos me senti vendo Rocky versão nipônica).
Também vi A sereia do Mississipi, do Truffaut. Achei médio, mas os figurinos de Catherine Deneuve são lindíssimos, by Yves Saint Laurent.

. Comprar uma câmera digital.

Tá nos planos, ainda.

. Comprar uma peça de roupa incrível – uma só, mesmo. Acho que lá Do Estilista, mas ainda vou decidir.

Não, mas comprei MUITOS LIVROS. Muitos mesmo. Então fica para outra vez.

. Ler muito, inclusive O Fim da Modernidade: niilismo e hermenêutica na cultura pós-moderna – o meu lado nerd decidiu comprar em um sebo, e eu quero ler com caderninho do lado e caneta grifa-texto, estudando, procurando entender as partes que eu não pegar ao invés de pulá-las. Ligando para Ana Laura quando eu tiver alguma dúvida. HAHAHA

Comecei, não rolou. Sério, juro que tentei, cheguei no segundo capítulo. Acho que ainda não estou preparado HAHAHAHA

Dãr

A Biblioteca Mario de Andrade está fechada para reformas.

É tempo de férias

Minhas férias começaram.
Geralmente eu curto passar as férias em São Paulo, mesmo. Além de não gastar dinheiro, eu tento aproveitar a cidade à tarde. Existe vida por aqui às 15h de uma quarta-feira, por mais que você não ache! Exposições, mostras de cinema, bibliotecas.
Entre as coisas que quero fazer nessas férias:

. Assistir ao resto da série de Antoine Doinel, de Truffaut. A saber: Beijos proibidos, Domicílio conjugal e O amor em fuga. Já assisti Os incompreendidos e Antoine e Colette.
. Ver Tarsila na Pinacoteca.
. Visitar o Museu da Língua Portuguesa: pois é, momento vergonha, eu ainda não fui.
. Ir na Biblioteca Mário de Andrade, sempre tenho vontade de entrar e não acho oportunidade.
. Assistir a muitos filmes nos canais a cabo.
. Comprar uma câmera digital.
. Comprar uma peça de roupa incrível – uma só, mesmo. Acho que lá Do Estilista, mas ainda vou decidir.
. Ler muito, inclusive O Fim da Modernidade: niilismo e hermenêutica na cultura pós-moderna – o meu lado nerd decidiu comprar em um sebo, e eu quero ler com caderninho do lado e caneta grifa-texto, estudando, procurando entender as partes que eu não pegar ao invés de pulá-las. Ligando para Ana Laura quando eu tiver alguma dúvida. HAHAHA