Simplesmente feliz

Eu pauto os filmes que assisto de acordo com os momentos da minha vida.

Quando eu levo uma bota, eu assisto Ele não está tão a fim de você; quando estou triste, assisto Simplesmente feliz.

simplesmente-feliz-1
“Essa louca eu conheci nas balada!”

Tem alguns motivos para vocês assistirem. São eles:
– Achei o filme um pouco primo de Noites de Cabíria (porque a personagem, Poppy, é cheia de esperança).
– O filme mostra porque a gente não consegue ser feliz 24/7. A personagem é assim e chega no limite do suportável.
– O figurino é incrível! Poppy sempre está com uma meia rendada e as misturas mais absurdas, como se estivesse perdida nos anos 90. A figurinista, Jacqueline Durran, é nomão pra ficar de olho: foi ela quem fez o vestido verde de Keira Knightley que todo mundo comentou em 2007, no filme Desejo e reparação.
– O filme tem comédia romântica no meio! E é uma comédia romântica megafofa, à la Annie Hall, com direito a um cara megagato: Samuel Roukin, a gente já te ama e te liga todos os dias!
– O filme é engraçado.
– O filme faz pensar. Principalmente na hora que a irmã da Poppy diz para ela: “não precisa jogar na minha cara que eu escolhi o caminho mais fácil”.

Well.

simplesmente-feliz-2
Conheço alguém que está se matando por causa desse colar em Araraquara

E tudo isso para superar todo o dinheiro que gastei em duas camisetas, uma calça, um almoço no Consulado Mineiro (lembrei de vc 😉 ) e o Casa Gucci, que eu quero ler desde sempre.
Hello, falência, how are you?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s