ADELAIDE IVÁNOVA

Primeiro, esclarecimentos privados em local público:
Sim, eu te liguei porque não consegui imaginar melhor companhia para assistir Ele não está tão a fim de você.
Tudo bem, não se sinta mal, você foi maravilhosa.
Eu fui sozinho, desliguei o celular. Quando saí do cinema e vi que tinha recado, pensei NÃO É ELE, com muita serenidade.
Ouvi o recado e era você. Obrigado, amiga.

Depois, comentários públicos em locais públicos.
Uma das nossas cenas preferidas do cinema é ESSA:

Acontece que o Heath Ledger MORREU.

Ele não está tão a fim de você tem as suas coisinhas babaconas – do tipo final feliz – mas você entende que, no fundo… eles quase nunca estão a fim de você. E precisa alguém vir e avisar, né?
E tem Drew Barrymore, claro.
Não que devíamos pensar que somos auto-suficientes. Mas é um fato: perder la esperanza, jamás, mas com serenidade. A serenidade de quem toma foras e OK. É isso. Move on.

A pergunta é:
Se ele não estava tão a fim, então para quê tudo aquilo?
A resposta é:
Mas isso importa?!

A segunda pergunta é:
Ele não me ligou porque é covarde… ou porque ele sabia que não ia dar certo?
Porque, de boa… NÃO IA DAR CERTO MESMO!

(talvez eu esteja dizendo isso apenas porque ele não ligou mas… e daí? NÃO IA MESMO! É UM FATO! UFA, QUE ALÍVIO! ele praticamente fez um favor pra mim!)

E tudo isso para dizer que ele, às vezes, não está a fim de nós. E isso, no fundo, é mais um problema dele do que nosso. Não é maravilhoso?

Anúncios

5 Respostas para “ADELAIDE IVÁNOVA

  1. aiiiiiiiiiii
    e eu não consigo imaginar companhia melhor que tu (lu bugni, talvez? hahaha).

    eu estava entregando fotos pra crientes pela região da paulista.

    e agora vou ter que escrever um post sobre seus questionamentos.

    tô péssima que não te ouvi ontem. cu.
    :*

  2. ahhhhh…ele tambem nao ta nenhum pouco afim de mim….hahahahahaha….amei suas consideracoes…azar do fofo

  3. Sabe? Um lance. O problema não é nem pegar o telefone ou não pegar, ligar ou não ligar, ou… enfim. O problema é o raio da ansiedade que a gente cria esperando aquele maldito aparelho emitir o ruído que traga qualquer um.
    Medo de solidão do caralho.

  4. Isso porque tu não leu o livro (não sei). Mas é bem legal, muito melhor do que o filme! E te faz pensar que NUNCA ninguém que tu teve até hoje na tua vida estava afim de vc! haah Bem dramatico!!!

  5. “E te faz pensar que NUNCA ninguém que tu teve até hoje na tua vida estava afim de vc!” Camilacover, eu quero muito muito muito ler o livro e quero mais ainda ver o filme, mas eu aaaacho que já tenho quaaaase plena consicência desse fato, não quero ouvir mais isso de ninguém não! haha

    Mas o problema não é só a ansiedade da espera do telefonema. É a espera da mensagem, do email, do contato, da lembrança, é a espera que ele subitamente caia em si e queira ficar com a gente pra sempre — ou só por mais um momento! Talvez o jeito como as coisas terminam sejam melhores do que esperávamos, mas até chegar lá…

    Mas como diria Madonna, it’s bitter at the start then it’s sweeter in the end!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s