Stefano Gabbana diz

“If one stops and analyzes the scenario, you ask yourself what’s this mad rush for, for who, for what? Does the average consumer really care?” he queried. “A normal shopper, even an elitist one like ours, buys a down jacket in November based on the weather.”

No WWD, via The Cut.

Hoje, voltando de entrevista com a Chiara (fui conhecer a loja dela e está uma graça), fui pensando enquanto tocava MILTON NASCIMENTO no rádio: “quantos estilistas têm autenticidade? quantas marcas valem o quanto pesam?”.
Retorno de Saturno vem chegando de fininho. Fichas chegam perto do abismo – brincam de cai-não-cai.

Quantas marcas do Baixo Jardim fizeram o mesmo vestido de malha?
Por que as pessoas gastaríam neles, sendo que a C&A tem um similar por um quarto (ou menos) do preço?

Está tudo muito errado.
O que me dá prazer, hoje? E por que será que eu ainda finjo que não sei que fazer uma matéria sobre ceia de Natal vegetariana me empolga mais do que falar sobre o Baixo Jardins MAIS UMA VEZ?

Talvez seja só o fim-de-ano e o habitual saco na lua sazonal.

“Assim falava a canção que na América ouvi…”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s